Os 379 do Mito – Resumo Semana 28

Jair Messias Bolsonaro, o mito, conseguiu a primeira etapa da Reforma da Previdência. 379 votos dos 320 necessários. Isto porque a mídia martelava dia e noite – em ação política coordenada – que o governo era ruim de articulação. Ruim? Não tem nada de ruim. Se 379 é “ser ruim de articulação”, ser bom então seria derrubar a República e ser proclamado Imperador pelo Congresso, como Júlio César. Bom, esfaqueado Bolsonaro já foi…

Primeira etapa passada. Uma de duas. Economia de 850 bilhões. Apenas 15% de desidratação. Ótimo. Abandonemos Rodrigo Maia e suas untuosidades quando se concluir a segunda parte. Todos os olhos para Davi Alcolumbre.

Fazendo jus ao adágio de que “a Bolsa sobe no boato e cai no fato“, no pós reforma houve uma realização de lucros em dois dias. Certo. A primeira eta da reforma passou, mas não foi a reforma em si

O dólar, entretanto, sinalizador mais arisco que se antecipa à Bolsa, já vem marcando quedas atrás de quedas: 3,7393 reais, menor fechamento desde 27 de fevereiro deste ano. Na semana, o dólar acumulou queda de 2,11%.

Em Wall Street, o Dow Jones alcançou máximas recordes, diante das expectativas de um corte de juros neste mês. O mercado externo se prepara para soltar a chuva de ouro que fecundou Dânae sobre o mercado brasileiro, basta aprovarem esta Reforma da Previdência. E, logo a seguir, a Reforma Tributária…

Primeira etapa da Reforma da Previdência
Investidores estrangeiros dando suas benesses ao Braisl

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *