Entenda os Índices de inflação no Brasil

centavos índice inflação

centavosO Brasil é, infelizmente, uma economia inflacionária. A inflação é medida através de índices por estatística. Portanto através do índice tenta-se homogeneizar o que não é homogêneo. Pelo efeito Cantillon, a inflação muitas vezes ocorre em setores específicos. Os Índices de inflação no Brasil tentam quantificar o fenômeno para planejamento financeiro.

Ter índices de inflação confiáveis é fundamental. Um dos problemas que a Argentina a época dos Kirschner tinha era justamente porque o governo era acusado de manipular os índices de inflação. Ou seja, todo o planejamento contratual vai por água abaixo, imagine saber que a inflação real é de 4% ao mês, por exemplo, e contratualmente só poder colocar no papel a inflação oficial menor? Ruim demais!

Vamos, portanto, pincelar os Índices de inflação no Brasil mais importantes. Apenas os mais importantes e sem subdivisões.

IPCA

Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) é calculado pelo IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, a autarquia. Como o nome já diz, tenta refletir preços no varejo para famílias em áreas metropolitanas para famílias de renda entre um a quarenta salários mínimos, ou seja, desde a diarista até o Ministro do STF. É índice usado pelo governo para metas de inflação bem como para títulos públicos atrelados à inflação.

INPC

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) também é calculado pelo IBGE. É o primo-pobre do IPCA, porque contempla apenas o consumo das famílias de um a cinco salários mínimos. É o índice de inflação dos pobres, e a pior inflação de todas, porque justamente são os pobres quem menos tem acesso à proteção financeira contra a inflação.

IGP-M

O Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) é calculado pela Fundação Getúlio Vargas. Grosso modo, é a inflação no atacado. É usada para reajuste em preços de contratos e, popularmente, para o ajuste do preço de aluguéis. Enquanto os IPCA/Cs olham muito o consumo das famílias, o IGP-M vê os insumos. Quer estragar o IGP-M, basta um aumento na tarifa de energia elétrica, por exemplo.  O IGP-M tem muita influência dos preços públicos administrados, por isso que, muitas vezes, é um índice que chega a ficar negativo.

INCC

O Índice Nacional de Custos de Construção, também filho da FGV, é a inflação na Construção Civil. Como dissemos, a inflação numa economia não é homogênea. O INCC é famoso porque é nele que os contratos de financiamento habitacional ou imóveis na planta são reajustados (muitas vezes o IGP-M é utilizado também). O INCC é uma boa para reajustar a valor presente o seu imóvel.

2 thoughts on “Entenda os Índices de inflação no Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *