Bolsa versus Dólar

Bolsa e dólar andam em direções opostas. Observem a figura abaixo. Nela vemos o mercado financeiro ontem, seis de dezembro do ano de Nosso Senhor de 2018, um versus o outro, na mesma escala de tempo (com uma ligeira defasagem na abertura de São Paulo versus NY).

Bolsa versus dólar

As Bolsas de Nova York  (Dow Jones) e do Brasil (BVSP) seguem do mesmo jeito, na verdade a do Brasil é função do humor em Nova York. Mas vejam o a Bolsa versus o dólar: Exatamente o oposto.

Isto ocorre porque o investimento em ativos, isto é, as ações é o oposto a manter o dinheiro em moeda, ou seja, reserva de valor. Portanto é uma regra geral que dólar versus bolsa são antípodas. Ou o dinheiro está em moeda, ativos foram vendidos, ou o dinheiro está em ativos, moeda foi vendida. Isto reflete o fluxo de valor na economia.

Uma economia aquecida, com Bolsas em alta, significa que reserva de valor está sendo trocada por ações, Bolsa sobe, moeda cai. A demanda de moeda aumenta e os preços sobem, logo, inflação. Numa economia recessiva, os agentes estocam valor, a Bolsa cai e a moeda sobe. A moeda passa a acumular mais valor e ocorre a deflação. Esta é uma análise um tanto simplificada, mas verdadeira.

E o real/dólar? Ora, sendo uma moeda exótica, o real apenas potencializa esta variação do valor da moeda. Se olharmos a variação do euro/dólar, muito pouco terá acontecido, porque moedas fortes são estáveis por natureza.

Portanto, meu caros, guardem esta lição: Câmbio para cima, Bolsa para baixo, e vice-versa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *